10 erros a evitar na hora de fazer cartões de visita

Mesmo que o digital se tenha estabelecido neste novo mundo em que vivemos, e hoje seja fácil fazermos novos contactos em plataformas como o Linkedin, há certas coisas que não mudam.

Por isso não é de admirar que os cartões de visita continuem a ser uma ferramenta essencial no mercado de trabalho, munindo qualquer pessoa com uma boa razão para impressionar.

No entanto, para ter um bom cartão de visita existem alguns cuidados a ter! Não pode simplesmente aplicar o seu nome, número de telefone e e-mail para um pedaço de papel e esperar que cause uma boa impressão.

Nesse sentido, hoje decidi trazer-lhe 10 erros comuns na altura de fazer cartões de visita que deve mesmo evitar.

VAI FAZER CARTÕES DE VISITA? NÃO COMETA ESTES ERROS!

 

1. TAMANHO DE LETRA PEQUENO

Nem todos conseguem ler bem: é importante ter isto em mente! O que quero dizer com isto?

Que ao escolher o tamanho da letra do seu cartão de visita deve garantir que é aceitável para uma boa legibilidade! Portanto, antes de imprimir os seus novos cartões de visita, experimente mostrá-los a algumas pessoas e faça uma pergunta simples: “Consegues ler o que está aí escrito?”.

2. PAPEL BRILHO OU GLOSS

É muito útil, em várias circunstâncias, ter um cartão de visita onde possamos escrever algumas anotações. Mas se o seu cartão tem um verniz no topo, é praticamente impossível escrever nele.

Os seus cartões ficam um pouco sujos se o papel não for brilhante? Sim, é verdade. Mas acredite em mim, será uma mais-valia no futuro!

 

3. COR DE FONTE CLARA

Já falei do tamanho da fonte: agora está no momento de falar da cor. Então, se o seu cartão usar uma cor de fonte que seja muito leve, por exemplo, cinza, ou que seja muito próxima da cor do seu cartão, poderá dificultar a leitura.

Se a outra pessoa não puder ler, há uma boa hipótese de que entenda mal os contactos ou que, na pior das hipóteses, o descarte logo por não conseguir entender nada.

 

4. DESIGN INCONSISTENTE COM O SITE

Comecei este artigo por apontar que vivemos no meio digital. Quer a sua empresa seja constituída apenas por si ou por uma equipa de centena de pessoas, há um grande valor em ter um design de cartão que integra a aparência da marca.

Então, se tem um site, uma frente de loja, um aspecto de linha de produtos ou qualquer outra coisa, a aparência do seu cartão de visita não deve ser consistente com isso mesmo? Desta forma, pode criar mais reconhecimento para a sua marca.

5. SEM LINKS PARA REDES SOCIAIS

Se usa Facebook, Twitter ou Linkedin para atrair pessoas para a sua marca, não deveria incluir links para esses sites no seu cartão de visita?

É uma ótima maneira de encorajar mais fãs e seguidores. Simplesmente deixando as pessoas saberem como o encontrar.

 

6. CONTACTOS

Antes de colar no seu cartão de visita todos os contactos disponíveis para entrarem em contacto consigo, faça uma pausa e respire fundo.

Quais são realmente os principais contactos? Quer que as pessoas cheguem até si através do número de telefone? Do e-mail? Faz sentido comunicar a morada da empresa? Ou será mais fácil colocar apenas as redes sociais?

Alinhe-se com os seus objectivos e inclua os contactos que fazem sentido, de facto, comunicar.

 

7. IMPRESSO EM PAPEL DE MÁ QUALIDADE

Um cartão de visita causa uma impressão e está nas suas mãos garantir que essa impressão é boa em todos os sentidos.

Se o seu cartão de visita não passa de um papel de gramagem fina, que facilmente fica amachucado ou se desfaz ao mínimo toque, então pense que isso pode dar uma imagem errada daquilo que pretende comunicar.

Mesmo que papel com melhor qualidade seja mais caro, é um investimento que compensa a longo prazo.

 

8. EXCESSO DE INFORMAÇÃO

Alguns cartões estão tão cheios de informações que por vezes nem sabemos por onde começar a ler. Evite cometer este erro.

Um cartão de visita não é o equivalente a um pitch de elevador. É uma ferramenta para atrair pessoas, orientá-los para o seu negócio e os serviços e produtos que tem para vender.

 

9. NÃO TEM PROMESSA DE MARCA

Todas as pessoas, empresas, organizações ou organizações sem fins lucrativos precisam de uma promessa de marca clara e convincente. Estas promessas de marca contam rapidamente a sua história e dizem às pessoas por que você é relevante (ou não).

Sem uma promessa de marca, o seu cartão é simplesmente um cartão de contacto – muito menos interessante. Tenha cuidado com este detalhe e com a imagem que almeja transmitir!

 

10. USE A PARTE DE TRÁS DO CARTÃO DE VISITA

Pessoalmente acredito no espaço em branco, para não darmos à pessoa que está do outro lado um excesso de informação. É por isso que sugiro que seja minimalista e contido ao fazer uso do espaço que tem disponível.

Se, por exemplo, colocar a promessa da sua marca na parte de trás do cartão, pode entrega-lo a alguém com esse lado voltado para cima e dizer a promessa da marca em voz alta.

 

Consulte o website da Sydra e fique a conhecer um fornecedor de impressão de cartões de visita, que prima pela qualidade de serviço e entrega rápida.

 

Qual a sua opinião do cartão de visita como ferramenta de publicidade? Compartilhe connosco!

Junte-se à nossa comunidade e receba em primeira mão as nossas dicas.




[social_warfare buttons="Facebook, Google, Twitter, Pinterest, Total"]

cartão de visita, cartão online, cartão personalizado, criar cartão de visita online, dimensões cartão de visita, fazer cartão de visita, fazer cartão de visita online, fazer cartão online, fazer cartões de visita, medidas cartão de visita, modelo cartão, modelo de cartão, porta cartão de visita

Comentários (2)

Os comentários estão fechados.

Horário de Atendimento
Seg. a Sex.
9:00h - 13:00h
14:30h - 18:30h

+351 227 122 009