Saiba como avaliar a qualidade do seu Design

Descubra como avaliar a qualidade do seu Design

Como é que define se o design de algo é bonito ou feio? Se pensarmos em algo bonito, isso significa que é bom certo? Assim, o que é que efetivamente significa ser bonito? E, como é que consegue garantir que algo que é bonito para si, o é também para outra pessoa?

A verdade é que, tal como tudo na vida, a beleza é completamente subjetiva! Por isso, esta subjetividade pode também ser tida em consideração na avaliação de determinado projeto.

É importante ter em mente que para avaliar a qualidade e a eficácia de um design (muito importante quando falamos de brand build), temos de levar em conta muito mais do que a sua beleza (principalmente na criação de branding).

De forma simples, é necessário considerar que a aparência é um fator de peso na qualidade e eficácia de um design. Contudo não é o único. A mensagem a comunicar e os resultados que se querem alcançar, vão ter também muito peso nesta equação.

E, essa mensagem deve ser adequada ao seu negócio, quer seja uma gráfica online ou uma empresa de contabilidade.

 

Design: Como pode avaliar a sua qualidade e eficiência

De forma a saber se o design de marca que está a desenvolver é realmente bonito, se tem qualidade e se irá converter a sua audiência, é preciso perceber um pouco melhor como funciona a comunicação visual.

Tendo esta questão em mente, de seguida indicamos-lhe alguns pontos que deve considerar para avaliar o seu digital branding.

 

1. O projeto cumpre o propósito para o qual foi criado?

O primeiro ponto da sua avaliação é perceber exatamente qual é o objetivo que quer alcançar com determinado design.

Por exemplo se falarmos de criar marca, um dos primeiros pontos a pensar é o logotipo. E, o mesmo precisa essencialmente de representar a essência da marca e comunicar o seu nome.

No entanto, se estivermos a falar do design de uma landing page, o objetivo será essencialmente converter (independentemente do que para o seu negócio for uma conversão).

O design serve essencialmente para resolver problemas através de soluções visuais. Por isso, o primeiro passo nesta avaliação é perceber se o branding design está bem feito.

O conteúdo continua a ser rei, mas um bom design continua a ser o príncipe.

 

2. A mensagem é simples de entender?

Um design de excelência irá garantir que a sua mensagem é percetível assim que é vista pelo seu público-alvo.

Assim, existe a necessidade de haver uma hierarquia visual que garante que os elementos são colocados em determinada ordem.

A par disso o seu texto tem de ser legível considerando todos os princípios base do design e da tipografia (este ponto é especialmente importante se estiver a desenvolver um guia de marcas).

Considere que no meio de tanto ruído digital, dificilmente um potencial cliente irá perder tempo a analisar muita informação para descobrir o que procura. O ideal é olhar conseguir logo esclarecer qualquer dúvida.

Erros de tipografia, como a utilização de muitas fontes ou uma má escolha das mesmas, uma má hierarquia visual e a não inclusão de espaços em branco, farão com que o seu design pareça menos profissional e mais complicado de ler.

 

3. O design é esteticamente agradável?

Esta é talvez a parte mais subjetiva da avaliação de qualquer serviço de design gráfico. Isto porque, aquilo que é bonito ou atraente para alguém, pode ser horrível para outra pessoa (gostos não se discutem).

No entanto, o seu objetivo é que o design fique bonito. Isto porque, dessa forma vai trazer-lhe uma impressão mais credível e profissional.

Um bom design deve ser intemporal. No entanto, para um projeto com uma duração específica, como é o caso de um flyer ou cartaz pode tirar proveito de uma aparência moderna.

Mas, se estivermos a falar criar uma marca e tratar de todo o processo de branding e design de logotipo é importante que o mesmo seja duradouro.

 



Junte-se à nossa comunidade e receba em primeira mão as nossas dicas.



4. O estilo é apropriado para o seu target?

A grande maioria dos empresários comete comumente um erro aquando da criação do design para comunicar o seu negócio. Fazem uma avaliação do mesmo tendo em conta os seus gostos pessoais.

No entanto, isso é um erro! Ao criar o design, o mesmo tem de estar de acordo com o que o seu target aprecia.

Claro que nem sempre os vão ter consciência do motivo pelo qual um design lhes desperta mais a atenção do que outros. Contudo, nas suas mentes vão ter uma determinada expectativa.

E, é essa expectativa que o seu design deve conseguir superar.

Por exemplo, se o seu negócio está centrado na área financeira, é importante ter um design mais neutro e com cores que transmitam tranquilidade, confiança e qualidade.

Mas, por outro lado, se trabalha com crianças, ter cores brilhantes e apelativas poderá ser a melhor alternativa.

O importante é conseguir realmente perceber se o design que está a desenvolver está ou não adequado ao seu público-alvo.

 

5. O design desenvolvido é original?

Se pararmos para pensar, a verdade é que nada é 100% original. No entanto, é importante ter em mente a diferença entre usar determinado design gráfico como inspiração, ou fazer uma cópia (quase integral) do mesmo.

No entanto, ao falarmos de originalidade, é importante considerar que tudo vai também depender do tipo de design que estamos a falar.

Por exemplo, se for o design de um logotipo, o mesmo deve ser o mais original possível, principalmente se quiser fazer um registo de marca. Isto porque, se o design for semelhante a algum já registado, irá ver o seu pedido rejeitado.

A par dessa questão, é também importante considerar que a originalidade inclui também a questão da criatividade. Ou seja, o design não deve ser somente bonito, deve ter também um conceito inteligente por trás.

Outros tipos de design como lonas, folhetos ou posts para as redes sociais podem incluir fotos (e classic font). No entanto, bem sabemos que não é prático ou rentável contratar um fotógrafo para tirar fotos personalizadas.

Assim, nestes casos, faz imenso sentido utilizar vetores grátis ou bancos de imagens. Embora hajam várias opções que pode usar gratuitamente para fins comerciais, existem muitas opções pagas.

Nestes casos é essencial ter a certeza que compra as licenças corretas de forma a evitar problemas com os direitos de autor.

 

6. A qualidade do design é um esforço de toda a equipa

É importante ter em conta que um design fantástico pode fazer muito pelo seu negócio. Mas, não vai fazer milagres.

O design pode ser excelente, contudo se definiu mal o seu público-alvo ou se a mensagem não está adequada, dificilmente irá gerar conversão.

Um mau resultado de uma campanha ou de determinada ação comercial nada tem a ver com o design da mesma. Normalmente, o problema está noutro departamento.

Existem muitas formas de medir o desempenho de um design no mundo real, nomeadamente:

  • Páginas web de teste A/B
  • Grupos de foco
  • Engagement nas redes sociais
  • Vendas…

No entanto, sabemos bem que nem sempre é possível testar um design antes de implementar uma ação.

Assim, neste ponto é essencial conversar com o designer e considerar os vários anos de experiência em marketing e estratégia para perceber qual a melhor alternativa tendo em conta os seus objetivos.

 

Agora já sabe os 6 pontos base a considerar no caso da avaliação de um design gráfico. Os mesmos vão ser um ponto de partida para fazer uma análise mais cuidada.

 

 

Já descobriu as ofertas que temos para si?

Consulte esta página onde vai encontrar descontos nos nossos produtos - clique aqui.

ações de branding, brand, branding, branding design, branding e design, branding para pequenas empresas, criação de branding, criar marca, criar uma marca, design de marcas, digital branding, estratégia de branding, gerenciamento de marcas, gestão da marca, gestão de branding, gestão de marcas branding, grandes ideias, guia de marcas, marca, marca ou brand


Filipa Cardoso

Filipa Cardoso

Sou apaixonada pelo que faço. Com uma formação base em Marketing, a área digital leva-me diariamente a precisar de aperfeiçoar os meus conhecimentos. Especialista em Marketing de Conteúdo e formadora em SEO. Adoro aprender e acredito que todos nós podemos fazer o que quer que seja, desde que haja esforço e dedicação.

Horário de Atendimento
Seg. a Sex.
9:00h - 13:00h
14:30h - 18:30h

+351 227 122 009