A diferença entre o bitmap e vetor.

Todos os arquivos gráficos de computador se enquadram em uma das duas técnicas: gráficos de bitmap ou vetor. O primeiro é feito a partir de pixels, o último é feito a partir de linhas e formas. Estes dois tipos de gráficos também são utilizados para diferentes fins e editados de maneiras diferentes. Este artigo serve para explicar a diferença entre o bitmap e o vetor, já que se trata de um dos princípios mais importantes para quem trabalha com gráficos em computador.

O QUE É UM GRÁFICO DE BITMAP?

Os gráficos de bitmap (também conhecidos como imagens raster) são compostos por pixels em uma grade; cada pixel contem um valor de cor. Esses pixels são minúsculos, quadrados individuais de cor que estão dispostos em uma grade para formar uma imagem. É fácil identificar uma imagem de mapa de bits ao ampliar a imagem. Se ampliar a foto o suficiente, pode ver claramente o ponto de cor individual, como pode ver na imagem à esquerda.

O termo bitmap significa literalmente “mapa de bits”. Um “bit” é essencialmente um valor de 0 ou 1. O “mapa”, portanto, refere-se a como esses bits são dispostos em uma grade retangular. Nas imagens mais simples, que contém apenas preto e branco, é possível usar apenas 1 bit por pixel. No entanto, a maioria das imagens utiliza mais de um bit por pixel – uma imagem de “cor”, por exemplo, utiliza 24 bits por pixel. Uma imagem muito grande com muitas cores seria, portanto, um tamanho de arquivo muito grande. Para contrariar isso, imagens de bitmap podem ser reduzidas usando métodos de compressão com perdas ou sem perdas.

 

COMO OS BITMAPS SÃO CRIADOS?

Quando tira uma foto usando uma câmara digital ou digitaliza um desenho no seu PC, está a criar uma imagem de bitmap. Também pode criar gráficos de bitmap usando um software como o atual Microsoft Paint e o Adobe Photoshop. Quando edita uma imagem bitmap, está editando os valores de cor de pixels individuais. Isso dificulta a edição dos elementos individuais dentro da imagem. Torna-se mais simples editar uma imagem bitmap como um todo, por exemplo, editando o seu contraste e brilho, ou aplicando um filtro (como os que pode encontrar no Instagram).

Os formatos de arquivos comuns de gráficos de bitmap são: BMP, GIF, JPEG e PNG para utilizar para web e TIFF ou PSB para o uso em impressão. Os pixels também são utilizados para visualizar as imagens em monitores e as suas dimensões de impressão são definidas pelo “dots per inch” ou DPI.

Os gráficos em bitmap são preparados para impressão comercial de alta qualidade geralmente em 300 DPI para formatos até A3. Já para imagens de grandes dimensões pode desenvolver com aproximadamente a 150 DPI. Não há necessidade de desenvolver arquivos com 300 DPI, porque uma resolução maior não irá proporcionar melhorias na qualidade de impressão.

O QUE É UM GRÁFICO VETORIAL?

Os gráficos vetoriais consistem em formas chamadas objetos. Eles podem incluir linhas, curvas, formas e texto. Ao invés de ser constituído por pixels, os objetos vetoriais podem ser considerados como um conjunto de instruções. Essas “instruções” contêm informações sobre a posição de um objeto dentro da imagem; largura e comprimento da linha e qualquer informação de cor. Em conjunto, esses objetos contêm as informações necessárias para exibir corretamente a imagem no monitor.

Uma diferença fundamental entre bitmaps e imagens vetoriais é a capacidade de editar elementos individuais. Elementos individuais dentro de uma imagem vetorial podem ser editados e transformados separadamente. Isso facilita o movimento, a ampliação e a rotação de cada elemento e muito mais. Em um bitmap, isso seria quase impossível. Outra característica distintiva dos gráficos vetoriais é a sua escalabilidade, pode ampliar a imagem vetorial sem perder qualquer qualidade. Mesmo quando ampliada, a imagem parece nítida e todos os detalhes foram preservados.
Os gráficos vetoriais são, geralmente, bem menores em termos de tamanho de arquivo do que os gráficos de bitmap. No entanto, se as imagens bitmap são importadas para um gráfico de vetor, o tamanho do arquivo será de um modo geral maior. No caso de um arquivo EPS, o elemento bitmap vai sofrer em termos de qualidade, se for redimensionado.

Os gráficos de vetor são desenvolvidos em softwares como o Adobe Illustrator ou Corel Draw. Não tendo estes softwares um DPI nativo como um gráfico de bitmap podem ser redimensionados em qualquer tamanho sem perder qualidade.

Os formatos de arquivos comuns para os gráficos vetoriais são o EPS, AI e CDR.

 

Consulte o website da Sydra e fique a conhecer um fornecedor de impressão, que prima pela qualidade de serviço e entrega rápida.

 

E você é adepto de gráficos de bitmap ou vetorial? Compartilhe connosco a sua opinião!

Junte-se à nossa comunidade e receba em primeira mão as nossas dicas.




[social_warfare buttons="Facebook, Google, Twitter, Pinterest, Total"]

bitmap definição, bitmap image, bitmap photoshop, bitmap vs vectorial, formato de imagem com melhor qualidade, formato jpeg, tipos de formatos para imagens vetoriais, vantagens das imagens vetoriais, vantagens e desvantagens da imagem vetorial

Horário de Atendimento
Seg. a Sex.
9:00h - 13:00h
14:30h - 18:30h

+351 227 122 009