Será que sabe mesmo o que é Serigrafia.

O que é Serigrafia? Conheça agora esta técnica de impressão.

São muitas as empresas que nos questionam o que é a serigrafia, como funciona, que materiais podem ser impressos…

Embora muito comum no processo de impressão, a verdade é que este é ainda um tema complicado para a grande maioria das empresas.

Desse modo, hoje resolvemos explicar-lhe tudo sobre o processo que uma gráfica leva para fazer a impressão de estampas.

Além disso, iremos dar-lhe alguns conselhos sobre a importância da escolha de artes gráficas de excelência para este trabalho. Mas para descobrir tudo, continue a ler.

 

Serigrafia: O que é e quais os materiais necessários

O termo serigrafia deriva da palavra latina “sericum” que quer dizer seda e da palavra grega “graphé” que é a ação de escrever ou desenhar.

Mas o que é ao certo este tipo de impressão? De forma simples, a serigrafia é um método de impressão utilizado essencialmente para fazer estampagens.

A tinta é transferida através de uma malha que é esticada num quadro próprio que passa a tinta através da estampa. Esta técnica de impressão é bastante antiga.

E, independentemente dos avanços tecnológicos na impressão gráfica, é ainda um processo manual na grande maioria dos casos. Embora, a área de serigrafia têxtil comece a ficar cada vez mais modernizada.

Bem sabemos que visto assim pode parecer um processo complicado. No entanto, é bastante mais simples do que parece.

Todo o processo de impressão silk necessita de um conjunto de materiais próprios. OS mesmos são:

  • Malha ou estampa com a imagem reproduzida
  • Moldura (para garantir que a malha está bem esticada)
  • Espátula que permite espalhar bem a tinta
  • Tinta própria para serigrafia e que garanta uma boa cor de impressão
  • Suporte para impressão
  • Sistema para secar a tinta

Agora que já sabe o que é a serigrafia e quais os materiais utilizados, saiba que existem 4 tipologias de impressão associadas a esta técnica.

 

Tipos de impressão serigráfica: Conheça-os

Existem atualmente 4 técnicas diferentes de realização de impressão silk (ou serigráfica). De forma a poder perceber as diferenças entre elas, explicamo-las de forma simples!

 

1. Serigrafia manual

Este é o método mais antigo de impressão em silk, e também um dos mais utilizados. A par disso, o mesmo é feito por uma pessoa especializada neste tipo de técnica.

São precisos apenas 6 passos para a realização de estampagens manuais.

  1. Colocar a peça que irá ser estampada numa base específica para o efeito
  2. Colocar a moldura na tela de modo a garantir que a mesma não tem qualquer ruga que possa deformar o design gráfico desenvolvido
  3. Aplique e espalhe a tinta por toda a malha com a ajuda de uma espátula
  4. Garanta que a tinta atravessa toda a malha fazendo pressão
  5. Passe a espátula para retirar a tinta em excesso
  6. Use a máquina de secagem para garantir que a impressão em silk seca mais rapidamente

 

2. Serigrafia automática

Embora o nome seja “automática” a verdade é que este processo de impressão também necessita de mão humana para ser realizado.

Basicamente este tipo de impressão é semi automático, necessitando de um profissional especializado e de uma máquina.

São apenas 3 passos para garantir uma correta impressão das suas artes gráficas na peça escolhida.

  1. A peça é colocada de forma estratégica na base da máquina
  2. 2. A máquina irá baixar automaticamente a tela e realizar a estampagem
  3. 3. O produto final fica a secar

Como vê, acaba por ser um processo bastante mais simples do que as estampagens manuais.

 

3. Serigrafia circular

Fonte: Promex Embalagens

Este já é um processo de impressão um pouco mais complexo, uma vez que a impressão é realizada através de rolos e prensas rotativas.

Esta metodologia de impressão é utilizada essencialmente para impressão de objetos cilíndricos como garrafas ou copos.

Frisamos que embora a serigrafia manual e automática permitam esta impressão, a verdade é que é complicado garantir a sua qualidade.

O processo é feito em 5 fases.

  1. Primeiro necessita de um fotolito
  2. O desenho será gravado na tela que vai ser impressa
  3. A tela é posicionada por cima da folha que irá ser impressa
  4. A tinta é despejada sobre a tela e espalhada com uma espátula
  5. A tinta irá passar através das zonas abertas na malha, deixando a imagem estampada

 

4. Serigrafia devoradora

O nome é um pouco estranho, bem sabemos! A serigrafia devoradora é usada apenas em tecidos de poliéster ou algodão.

Isso acontece porque, a estampagem é aplicada tendo como sua base a tinta de ácido sulfúrico que “devora” o algodão presente.

Sendo esta a corrosão que cria o efeito de transparência na peça que está a ser fabricada.

 

Agora já percebe um pouco mais como funciona a impressão em serigrafia. A mesma pode ser aplicada a camisetas, t-shirts, cartazes, canecas, canetas… enfim, aquilo que necessitar.

Por isso, em caso de necessidade, analise qual a opção que mais se adequa a si!


Filipa Cardoso

Sou apaixonada pelo que faço. Com uma formação base em Marketing, a área digital leva-me diariamente a precisar de aperfeiçoar os meus conhecimentos. Especialista em Marketing de Conteúdo e formadora em SEO. Adoro aprender e acredito que todos nós podemos fazer o que quer que seja, desde que haja esforço e dedicação.

Apoio ao Cliente

+351 227 122 009

Seg. a Sex.
9:00h - 13:00h
14:30h - 18:30h