Marketing

Tudo o que precisas de saber sobre backlinks

Tudo o que precisas de saber sobre backlinks

Na Internet existem milhares, se não milhões, de sites com excelente conteúdo que são atualizados diariamente. Contudo, mesmo sendo o conteúdo excelente raramente se vai classificar sem a ajuda de backlinks.

Embora muitos utilizadores estejam a fugir da ideia, devido ao árduo trabalho que exige, estes links são uma das melhores ferramentas, se não a melhor, para ajudar a melhorar a popularidade do teu site e a classificação SEO.

O grande problema é que muitos utilizadores ainda não sabem ao certo o que são e como podem obtê-los, de forma a criar uma classificação orgânica.

Por isso, de seguida esclarecemos o conceito e partilhamos dicas para aplicares esta ferramenta da forma mais eficaz na tua estratégia.

Backlinks: Um guia completo para conquistares o topo nas pesquisas do Google

Os backlinks são links que redirecionam para um site ou página da Web e que ajudam a criar uma classificação orgânica.

Isto porque os motores de pesquisa costumam usar a quantidade deste tipo de links num site como um dos principais fatores para determinar o ranking, daí a sua importância no SEO (otimização de pesquisa).

Neste sentido, a ferramenta é capaz de impactar os seguintes fatores:

1 – Autoridade e relevância

Os mecanismos de pesquisa veem estes links como votos de confiança de um site para outro.

Assim, quanto mais links de sites confiáveis e relevantes uma página recebe, mais autoridade ela ganha.

2 – Melhoria no posicionamento nos mecanismos de pesquisa

Sites com um grande número de links de qualidade tendem a ser classificados como principais nos resultados de pesquisa.

Isso acontece porque os motores de pesquisa consideram esses sites como fontes de conteúdo confiáveis e valiosos.

3 – Indexação e descoberta

Estes links também ajudam os bots dos motores de pesquisa a descobrirem e a indexarem novas páginas na web.

Ou seja, quando um mecanismo de pesquisa encontra um link para uma nova página, este rastreia-a e inclui-a no seu índice.

4 – Tráfego de referência

Além de afetar o SEO, os backlinks também podem direcionar tráfego de referência para o teu site.

Isto porque quando os visitantes clicam num link de outro site para o teu, estão a aumentar automaticamente o tráfego e a visibilidade da tua página.

Mas, embora a ferramenta já tenha comprovado a sua alta eficácia em melhorar o ranking de sites nos motores de pesquisa, construir um link building de qualidade não é tarefa fácil.

E, se for construído de forma inadequada, pode resultar em penalidade e, em casos extremos, num processo.

5 – Evita penalidades na tua estratégia de link building

Evitar penalidades no link building é crucial para manteres a integridade do teu site e garantires que este tem uma classificação sólida nos mecanismos de pesquisa.

Por isso, conhece algumas diretrizes para evitares penalidades durante o processo de criação de links.

6 – Prioriza a qualidade sobre a quantidade

Concentra-te em obteres links de sites de alta qualidade e relevância para o teu nicho ou setor.

Os links de sites confiáveis e com autoridade são mais valiosos do que muitos links de baixa qualidade.

7 – Cuidado com a prática do Link Farming

Evita participar em esquemas de link farming, onde sites interconectados trocam links entre si. Fica a saber que os mecanismos de pesquisa desaprovam essa prática.

8 – Não compres links

Comprar backlinks é uma violação das diretrizes dos mecanismos de pesquisa e pode resultar em penalidades. Por isso, evita adquirir links de forma não orgânica.

9 – Diversifica as tuas fontes

Não dependas de um único método para a tua estratégia de link building. O segredo está em diversificares as tuas fontes, obtendo links de blogs, sites de notícias, fóruns, redes sociais e outras plataformas relevantes.

10 – Cria conteúdo de qualidade

No marketing, o conteúdo é rei e não nos cansamos de afirmar isto. Assim, produzir conteúdo valioso de blog e relevante é uma forma eficaz de atraíres links naturais.

11 – Foca-te na relevância

Garante que os sites que estão vinculados ao teu são relevantes para o teu nicho, pois links de sites relacionados com o teu conteúdo são mais valiosos.

12 – Evita a ancoragem de keywords excessivas

Cuidado com o uso excessivo de palavras-chave em textos âncora de links. O ideal é que mantenhas os textos variados e naturais.

13 – Sê transparente e ético

Informa os leitores de forma transparente quando um link for patrocinado ou afiliado. Se optares por práticas enganosas estas podem prejudicar a tua reputação.

14 – Monitoriza os teus links

Verifica, regularmente, os backlinks que apontam para o teu site. Se identificares links tóxicos ou prejudiciais, toma medidas para removê-los ou desautorizá-los.

15 – Está atento às mudanças de algoritmos

Os mecanismos de pesquisa estão em constante evolução, por isso é fundamental estares atento às atualizações de algoritmos, para ajustares a tua estratégia de criação de links conforme necessário.

Acredita que o link building é uma das melhores estratégias para impulsionares o teu ranking, já que, mesmo com um bom conteúdo, este por si só não consegue conquistar boas classificações sem os backlinks.

Constrói uma estratégia de sucesso através do link building

Para iniciares a tua estratégia de link building sem gastares dinheiro, começa a colocar em prática as dicas que partilhamos de seguida.

1 – Cria controvérsia

A dica é criares controvérsia com moderação. Enquanto o discurso ocasional é bom, se usado em demasia perde a sua eficácia.

2 – Usa o humor

Esta é uma alternativa mais suave à controvérsia que pode ser de igual modo eficaz, especialmente se o humor é original.

3 – Participa em comunidades de blogs e fóruns

Sê um membro ativo de uma ou várias comunidades, onde possas contribuir com respostas a perguntas que ajudem as pessoas a não cometerem erros.

Essa ação ajuda a construir a tua credibilidade e abre oportunidades para utilizares backlinks.

4 – Utiliza as redes sociais

Tal como as comunidades de blogs e fóruns, criar laços com pessoas através das redes sociais abre, certamente, oportunidades para obteres links.

Portanto, reflete onde podes encontrar o teu público-alvo, em que rede social ele gasta o seu tempo. Se é no Facebook, no Twitter, no Pinterest ou no Instagram, considera marcar presença.

5 – Verifica se a tua página tem um bom layout

Pode parecer algo “natural”, contudo muitos sites têm layouts bonitos, mas nada funcionais para o utilizador e o SEO.

E com isto os utilizadores não consideram a tua partilha ou voltar a visitar a tua página num futuro próximo. Isto é um grande erro quando procuras trabalhar o link building!

Por isso, consulta regularmente a tua taxa de rejeição no Google Analytics.

6 – Cria tutoriais

É comum a Web ser utilizada para algum tipo de ajuda, e com o teu público-alvo não será diferente.

Dependendo do nicho, os tutoriais podem não ser tão eficazes, mas, caso contrário, podem propagar-se rapidamente pela Internet.

Um dos meios com bons resultados é o vídeo e, claro, a vantagem deste meio é a facilidade de engagement.

7 – Cria um produto útil e gratuito

Ao investires o teu tempo na criação de um produto fácil de usar, muitos utilizadores do teu nicho provavelmente vão baixar, especialmente se for gratuito.

Esta é uma estratégia muito utilizada no marketing digital para a criação de listas de contactos, que pode posteriormente ser utilizada para email marketing.

É importante seres fiel ao conteúdo. Se conquistares o teu público-alvo este vai, com certeza, partilhar e a propagação vai acabar por acontecer.

Uma vez mais: sê persistente na construção dos teus backlinks! Não é uma tarefa fácil, mas com as estratégias partilhadas o sucesso é garantido. Porquê? Porque também as utilizamos neste blog. 🙂

Gostaste deste artigo? Partilha a tua opinião ou esclarece qualquer dúvida através do Live Chat.

Posts Relacionados